Îlot Est - Versailles

Îlot Est - Versailles

Array

Orgulhosos da gestão ecológica dos seus parques e jardins, Versalhes quer encarnar a cidade verde do século XXI. Como parte da requalificação urbana de Versalhes-Chantiers, o arquiteto Christian de Portzamparc idealizou uma "ilha" com um jardim no centro em frente à estação. As fachadas estão de acordo com a "linguagem arquitetónica de Versalhes" e recorrem à perícia da Reynaers Aluminium. Aqui está a história desta aventura urbana.

Ilha paisagista

O Îlot Est é composto por dois edifícios distintos construídos em torno de uma área ajardinada, com perto de 22.800 m2 de escritórios e lojas num terreno de 8.050 m2. A agência 2portzamparc explica que "os dois halls de entrada do primeiro edifício (15.300 m2 de escritórios e 880 m2 de lojas no rés do chão), propriedade da Unibail-Rodamco-Westfield, estão ligados por uma rua interna, uma ligação suave com alturas duplas, o que permite gerir o desnível do terreno e, consequentemente, a diferença entre os dois níveis de acesso. O segundo edifício para Nexity (6.618 m² de espaço de escritórios), destinado à CAF des Yvelines, é composto por volumes ligeiramente mais dissecados que permitem a densidade necessária ao mesmo tempo que preservam a vista e a luz solar. Finalmente, as diferentes fachadas viradas para a estrada e no coração da ilha, proporcionam a cada espaço uma identidade própria e estão de acordo com a linguagem arquitetónica de Versalhes.’’

Os perfis de alumínio Reynaers foram adaptados ao "estilo Versalhes", mantendo preservando a vista e uniformidade das massas de alumínio visíveis em todas as diferentes fachadas.

Assim, a base do edifício Unibail, que é amplamente envidraçada no rés-do-chão, é encimada por uma "fita perfurada, um corpo intermédio em dois níveis", para usar as palavras do arquiteto, que está alinhada com o nível da cornija superior da estação Versailles-Chantiers. Finalmente, um sótão envidraçado encimado por um telhado, marca o recorte do céu... Os perfis de alumínio Reynaers adaptaram-se a estas fachadas "à la versaillaise", preservando a vista e uniformidade das massas de alumínio visíveis em todas as diferentes fachadas, de acordo com os desejos do arquiteto.

Criações feitas à medida

Cerca de 9.000 m² de fachadas foram instaladas pela empresa Seralu utilizando 5 tipos de perfis de alumínio Reynaers. De acordo com David Emaille, Diretor Regional Noroeste da Reynaers France, "os desafios técnicos eram personalizar os nossos perfis para facilitar a implementação específica do projeto tanto quanto possível e oferecer sistemas com elevado desempenho térmico e acústico. Adaptámo-nos ao calendário apertado da obra, reduzindo ao máximo o tempo de criação dos perfis especiais. Estamos orgulhosos desta grande operação que representa um sucesso conjunto com o nosso parceiro Seralu".

Cerca de 6.750 m² de paredes cortinas utilizando a gama CW 50 e 1.850 m² de janelas de folha oculta TS68-HV. O sistema CW 86 equipa quase 480 m² de fachadas, o CD 68 cerca de trinta portas e o CD 50 uma dezena.

“NESTA OBRA, JEAN-CHARLES PINEAU SUBLINHA "A COOPERAÇÃO COM AS OUTRAS ESPECIALIDADES FOI IMPORTANTE. A ADAPTAÇÃO AOS DIFERENTES REVESTIMENTOS DE FACHADA, ENTRE REVESTIMENTO, TERRACOTA E PAINÉIS COMPOSTOS, EXIGIU A CRIAÇÃO PELA REYNAERS ALUMINIUM DE 4 PERFIS ESPECÍFICOS DA GAMA TS 68-HV. UM DESAFIO BEM SUCEDIDO EM TODOS OS ASPECTOS, INCLUINDO O PLANEAMENTO..."”
"Cerca de 6.750 m² de fachadas cortina utilizando a gama CW 50 e 1.850 m² de janelas TS68-HV (folha oculta) foram instaladas.”
Instalador: 
Seralu
Arquiteto: 
Array
Localização: 
Venlo, França View on map
Fotógrafo: 
Array