Skip to main content
  • ConceptWall 50 Fachadas - College/University Technical Vocational School Visp localizado em Visp, Suíça
  • Bonnard Woffray

Technical Vocational School Visp

Visp - Suíça

Aarquitetura suíça é mundialmente famosa graças a diversos nomes reconhecidos como Herzog & de Meuron, Peter Zumthor, e Valerio Olgiati. No entanto, para além destes arquitetos famosos, existe também um grande grupo de talentosos designers de diversas gerações, os quais realizaram projetos muito intrigantes. Muitas vezes estes projetos não são particularmente prestigiosos, mas sim modestos projetos como residências, edifícios escolares ou um quartel de bombeiros numa das muitas aldeias e vilas da Suíça. Independentemente da diversidade dos projetos destes arquitetos, o que se salienta sempre é a grande qualidade evidente nos seus trabalhos.

Em Visp, na parte alemã do cantão suíço bilingue Valais (Wallis em alemão), o gabinete Bonnard Woeffray realizou uma escola vocacional técnica. Este edifício escolar, cujo projeto ganhou um concurso de desenho, enquadra-se perfeitamente no ambiente envolvente, composto por diversos edifícios únicos, incluindo dois edifícios escolares tipologicamente similares construídos nos anos 60. Embora o novo edifício não se afaste muito dos outros dois em termos de forma e volume, a sua expressão arquitetónica é substancialmente diferente de tudo o que o rodeia. Isto não se deve apenas aos ângulos retos aguçados, mas sobretudo devido às surpreendentes fachadas chapeadas com aço e alumínio brilhantes.

ConceptWall 50 Fachadas - College/University Technical Vocational School Visp localizado em Visp, Suíça

A fachada é composta por janelas integrais, do chão ao teto

O gabinete Bonnard Woeffray foi fundado em 1990 por Geneviève Bonnard e Denis Woeffray, dois arquitetos que têm vindo a angariar grande reputação nos últimos dez anos. Bonnard e Woeffray conseguem diferenciar-se cada vez mais com uma arquitetura extraordinariamente precisa e minimalista. A escola em Visp é um bom exemplo disso. Neste edifício escolar, o aspeto é determinado pelo aspeto da armação da construção de suporte em betão por trás da fachada. A fachada é composta por janelas integrais, do chão ao teto, do sistema de alto isolamento CS 86-HI, equipadas com venezianas que limitam a entrada da luz solar para o interior. Estas venezianas estão revestidas a aço inoxidável altamente refletor. As paredes que se elevam onde o volume retangular do edifício termina, estão revestidas a alumínio baço, o que cria um contraste subtil com o aço brilhante. A simplicidade e clareza da arquitetura continua no interior, onde o betão foi deixado exposto nas paredes e no teto. As salas de aula e as outras salas estão separadas por paredes de vidro do chão ao teto, com o sistema CW 50. A pureza e a rigidez da arquitetura minimalista não revelam as medidas extremamente exigentes utilizadas para limitar o consumo de energia do edifício. O fato de estas medidas não afetarem a pureza da imagem arquitetónica é um feito surpreendente.

ConceptWall 50 Fachadas - College/University Technical Vocational School Visp localizado em Visp, Suíça

A fachada do edifício revestida a aço brilhante reflete o ambiente envolvente

Embora o desenho premiado da escola tenha sido concebido em 2004 e a construção tenha sido concluída em 2009, ele cumpre a norma suíça MINERGIE, em vigor desde 2009 para os edifícios escolares. Esta nova norma é mais de 25% mais rigorosa que a antiga norma, datada de 2000. A nova norma determina um consumo máximo de energia de 40 kWh por metro quadrado para aquecimento, água quente e ventilação (a norma anterior, datada de 2000, determinava um máximo de 55 kWh para edifícios escolares). Para além de eficaz em termos de consumo de energia, o edifício também tem alta resistência sísmica, pelo que foi galardoado. De forma a cumprir as rigorosas exigências da norma MINERGIE relativamente ao consumo de energia e qualidade do ar, o sistema de fachada da Reynaers foi adaptado para dar conta da ventilação de forma especial. A ventilação está instalada num perfil largo oculto pelo revestimento da fachada em aço inoxidável, que é compatível tanto com a aba de ventilação como com o painel de vidro, o que reduz o número de perfis necessários. Este tipo de atenção aos detalhes demonstra como o edifício se trata de um exemplo clássico de arquitetura inovadora, quer em termos energéticos, quer em termos de arquitetura.

Sistemas Reynaers utilizados

Parceiros envolvidos

Arquiteto

  • Bonnard Woffray

Instalador

  • FUXVISP AG

Fotógrafo

  • Hannes Henz, Zürich

Outros parceiros

  • Canton Valais (Empreiteiro geral)